segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Qualidade X Preço uma briga desleal

A cada dia venho notando que algumas pessoas perderam completamente a noção de preço no ramo de eventos.
Que as Festas de Casamentos e 15 anos viraram um negócio lucrativo, disso já sabemos a tempos, mas algumas pessoas parecem que perderam completamente o "juízo" essa é a verdade.
E não estou falando apenas de Profissionais, estou falando de clientes também, que acreditam que uma empresa por ter um valor bem mais em conta que o normal, dará alguma garantia de trabalho bem feito no final da festa.
O mesmo não justifica ter preços exorbitantes para se ter qualidade.
Muitas vezes o ditado é certo " O barato sai caro" mas nem sempre o mais caro é o melhor!
Sempre incentivo minhas clientes a procurarem por profissionais que tenham boa fama, que sejam reconhecidos pelo profissionalismo e caráter acima de tudo.
Nada de sair por ai buscando preço, busque qualidade, é possível achar preço justo e ter qualidade SIM.
Fico horrorizada quando em meu escritório chegam propostas com as quais não se pode concorrer, não cubro valores, é claro que dependendo da conversa dá-se descontos etc.
Mas prometer mundos e fundos por um preço X e no dia não fazer nada do que prometeu é muito comum com algumas empresas, não digo apenas na minha área, mas em "Todas" vejo amigos reclamando da concorrência desleal todos os dias.
Sou a favor de se ter uma tabela, igual se vende remédios, assim o cliente fecha pela confiança na empresa, pela empatia e não por Valores.
Sua festa não pode ser tratada como um negócio qualquer, ela deve ser tratada como única e especial, cada cliente tem o seu perfil de festa e em Brasília não podemos negar temos empresas para todos os bolsos, basta apenas um pouco de Critério na hora da escolha.

Seja Criterioso e não aceite que seu evento se torne apenas mais um na cidade.
Exija seus direitos, cobre contratos mais claros e específicos, ou seja detalhados, afinal será apenas essa vez e não pode dar errado.

Bjos

Késia Tatiane




Postar um comentário